O Virtua limita o protocolo Bittorrent

Fui um dos primeiros a receber o aumento de velocidade do Virtua, quando passou de 600Kb/s para 4Mb/s. Durante as primeiras semanas, a velocidade do Azureus era animal: 400KB/s, constantemente, e com uploads a 60KB/s, não importando a hora do dia.

Mas desde o começo de dezembro, notei que a velocidade abaixou para míseros 15KB/s, 20KB/s (um vigésimo do original). O upload, metade disso. Ainda consigo puxar arquivos de servidores HTTP ou FTP na velocidade máxima. Um teste simples é fazer o download do Apache ou do Mysql (como fiz ontem). Facilmente, mais de 300KB/s.

Liguei no Virtua e o atendente negou que eles bloqueiem quaisquer portas ou protocolos, com excessão da porta 80. Mas também, se você quisesse colocar um servidor web, ninguém o proibiria de usar outra porta (geralmente a 8080).

Portanto, a única conclusão é que realmente o Virtua bloqueia o bittorrent. E é direto no protocolo. Mas existe uma exceção…

Descobri neste fórum, na última mensagem, que a porta 1720 é utilizada para streaming de vídeo, e que portanto, alguns provedores a liberam. E a NET faz isso. O Bittorrent não é (por enquanto!) limitado nela.

Mudar no Azureus a porta para 1720 resolveu meu problema de velocidade instantaneamente (bem, depois de reiniciá-lo ;)). Estou agora mesmo puxando novamente a 200KB/s, e a velocidade só está subindo. Meu upload voltou para 60KB/s.

Então pessoal, até que o Virtua “perceba” isso, usem essa porta. Caso limitem novamente, existe uma outra solução, usar um cliente bittorrent que encripte os pacotes de identificação. Atualmente, apenas o BitComet possui essa funcionalidade. Infelizmente, não gosto desse programa, então não pretendo usá-lo tão cedo, e espero que o Azureus adote essa prática.

Ah! Ligarei novamente para a NET e descobrirei a verdade…. futuramente sairá um post sobre essa conversa.

Post a Comment

Your email is never shared.